Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Aracaju > Cerca de 700 alunos do Campus Aracaju estão inscritos na 1ª fase da 13ª edição da OBMEP
Início do conteúdo da página
MATEMÁTICA

Cerca de 700 alunos do Campus Aracaju estão inscritos na 1ª fase da 13ª edição da OBMEP

Escrito por MARINEIDE BONFIM BASTOS | Criado: Sexta, 07 de Abril de 2017, 09h43 | Publicado: Sexta, 07 de Abril de 2017, 09h43

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas(OBMEP) é uma realização do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada - IMPA - e tem como objetivo estimular o estudo da matemática e revelar talentos na área

foto1Anualmente, o Campus Aracaju do Instituto Federal de Sergipe inscreve todos os seus alunos do 1º ao 4º ano matriculados nos cursos técnicos integrados em informática, Edificações, Alimentos, Química , Eletrônica e Eletrotécnica na OBMEP, com o objetivo de despertar o gosto pela Matemática. A Olimpíada Brasileira de Matemática de Escolas Públicas , em 2017, bateu um novo recorde de escolas inscritas: 51.373. Neste ano, pela primeira vez, a maior competição estudantil do mundo contará também com alunos de colégios particulares. O prazo para inscrição foi encerrado no dia 31 de março

Destinada a estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, a OBMEP tem contribuído para estimular o estudo da Matemática no Brasil, identificar jovens talentosos - incentivando seu ingresso nas áreas científicas e tecnológicas - e promover a inclusão social pela difusão do conhecimento.

Estudos independentes têm comprovado um efetivo impacto da OBMEP nos resultados de Matemática alcançados por estudantes. Escolas que participam ativamente da competição acadêmica apresentam acentuada melhora no desempenho de seus alunos na Prova Brasil: a evolução é da ordem de 26 pontos, o que corresponde a 1,5 ano de escolaridade extra.

foto6A partir de 2017, a OBMEP e a Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) serão integradas. De acordo com os organizadores, a integração das olimpíadas tem como objetivo estender a todas as escolas do Brasil o acesso a material didático de qualidade para ajudar a despertar o gosto pela Matemática entre os estudantes.Esse tipo de iniciativa tem produzido resultados positivos nas escolas.

Primeira fase será em junho

As provas serão distribuídas de acordo com o grau de escolaridade - nível 1 (matriculados no 6º ou 7º ano do Ensino Fundamental); nível 2 (matriculados no 8º ou 9º ano do Ensino Fundamental); e nível 3 (matriculados em qualquer ano do Ensino Médio) – e aplicadas em duas fases. A primeira será realizada dia 6 de junho e é constituída de questões de múltipla escolha. Já a segunda, marcada para 16 de setembro, será uma avaliação discursiva.

A OBMEP vai premiar separadamente alunos de escolas públicas e privadas. Para os alunos de escolas públicas serão: 500 medalhas de ouro, 1500 de prata, 4500 de bronze e até 46.200 menções honrosas, como nas edições anteriores, mas também destinará medalhas a estudantes de escolas particulares :25 ouros, 75 pratas, 225 bronzes e até 5.700 menções honrosas.

Na última edição da OBMEP, 17,8 milhões de alunos de 99,6% dos municípios brasileiros e mais de 47 mil escolas participaram da disputa. Criada em 2005 pelo IMPA, a OBMEP tem contribuído com a descoberta de jovens talentosos no país e com a melhoria do ensino da Matemática no Brasil.

Bolsas de Iniciação Científica Jr.(PIC)

Aos 6.500 (seis mil e quinhentos) alunos de Escolas Públicas premiados na OBMEP 2017 com medalhas de ouro, prata ou bronze e matriculados em Escolas Públicas em 2018, será oferecida a oportunidade de participar do Programa de Iniciação Científica Júnior (PIC Jr -OBMEP). A participação no PIC inclui o recebimento de uma bolsa de Iniciação Científica Jr do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

*Com informações da OBMEP

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página