Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Aracaju > Ex-aluno trilha carreira acadêmica após graduação no Campus Aracaju
Início do conteúdo da página
História de sucesso

Ex-aluno trilha carreira acadêmica após graduação no Campus Aracaju

Escrito por MARINEIDE BONFIM BASTOS | Criado: Segunda, 10 de Julho de 2017, 11h06 | Publicado: Segunda, 10 de Julho de 2017, 11h06 | Última atualização em Segunda, 10 de Julho de 2017, 12h06

Dados da pesquisa de doutorado de Eudes Bomfim fazem parte do projeto de Cooperação Franco-Brasileiro, Clim-FABIAM

Eudes 3 Bonfim 10072017Ingressar em um curso superior é o desejo de muitos. Se formar é um sonho dos universitários e progredir na carreira, um desafio para os recém-formados! Em agosto de 2007, após passar por um vestibular, o empregado público do governo de Sergipe, Eudes de Oliveira Bomfim (40), ingressou na Graduação Tecnológica em Saneamento Ambiental, na época, primeiro curso superior ofertado no Instituto Federal de Sergipe (IFS), Campus Aracaju. Em dezembro 2010, ele colou grau e, daí em diante, não parou de estudar. Deu continuidade a sua formação acadêmica, sendo selecionado em algumas das melhores universidades do país.

Eudes 2Bomfim10072017No dia 29 de junho, quando muitas pessoas festejavam São Pedro, Eudes comemorava a defesa de doutorado em Geociências Aplicadas, com área de concentração em Hidrogeologia e Meio Ambiente, na Universidade de Brasília - UnB. A tese apresentada pelo ex-aluno trata dos Indicadores Biogeoquímicos de Qualidade Ambiental da Várzea Lago Grande do Curuaí, Amazônia Brasileira, e cria um novo índice ambiental e uma ferramenta capaz de facilitar tomadas de decisões quanto ao controle ambiental de planícies de inundação, podendo ser aplicada não só na região amazônica, mas também em várias regiões do planeta.

A pesquisa apresenta proposta para o controle ambiental das várzeas baseada no cálculo de índice de estado trófico pela concentração de fósforo total e clorofila-a, observação das atividades antrópicas, das alterações do ecossistema e da derivação de índices de estado trófico a partir de imagens de teledetecção. O estudo foi orientado pelo professor doutor Geraldo Resende Boaventura do Laboratório de Geoquímica/Instituto de Geociências da UnB e coorientado pela pesquisadora Ph.D. Marie-Paule Bonnet, do L’Institut de Recherche pour le Développement (IRD)/UMR Espace-DEV/Université de Montpellier, França.

Os dados da pesquisa fazem parte do projeto de Cooperação Franco-Brasileiro, Clim-FABIAM (Changecments climatiques et biodiversité des lacs d’inondation dans le basin Amazonien: Comment faire face et aider à la durabilité écologique et économique).

Reconhecimento

Banca Examinadora Eudes 10072017Eudes contou com a presença, em sua banca de defesa, do professor doutor José Wellington Carvalho Vilar, da Coordenadoria de Saneamento do IFS – Campus Aracaju, que se orgulha de ter participado da formação e acompanhado de perto o crescimento profissional do ex-aluno. “O ótimo desempenho e o sucesso na carreira acadêmica de Eudes é motivo de orgulho para nós. Desejamos que essas conquistas dele sirvam de incentivo para outros alunos e egressos”.

A banca contou ainda com a presença do diretor do Laboratório Hydrosciences Montpellier (HSM), na França, o Ph.D. Patrick Seyler, como examinador externo. O pesquisador estuda, há anos, o objeto de pesquisa de Eudes e tem várias publicações internacionais a respeito da Várzea Lago Grande do Curuaí. O professor doutor Luciano Soares da Cunha, do Instituto de Geociências da UnB, que tem experiência sobre a temática dos indicadores e índices ambientais, também fez parte da banca.

Crescimento profissional

Ao chegar ao Campus Aracaju, Eudes Bomfim encontrou a motivação para progredir na carreira acadêmica. “Conclui o ensino médio pelo Programa Educação de Jovens e Adultos – EJA do Governo do Estado. Só entrei no IFS aos 29 anos. Nada foi fácil para quem vem de uma família humilde”, revela.

Aos 17 e 18 anos, ele foi office-boy na Universidade Federal de Sergipe (UFS) e conta que ao ver os professores nos setores que trabalhou se sentia estimulado a ingressar em um curso superior. Em 2007, entrou para o curso de Saneamento Ambiental no IFS.

Eudes4Bonfim10072017Iniciou uma especialização em Gestão Ambiental, paralelo ao último período da graduação, mas não concluiu porque foi selecionado para dois mestrados: Engenharia Urbana e Ambiental da Universidade Federal da Paraíba e Recursos Hídricos e Saneamento da Universidade Federal de Alagoas. Optou por ir estudar na Paraíba, em 2011.

Eudes concluiu o mestrado em março 2013 com a defesa da tese de Sustentabilidade Hidroambiental de Áreas de Captações de Nascentes na Bacia Hidrográfica do Rio Gramame/PB, e já estava aprovado para o doutorado na UnB. “Só tive uma semana de folga”, lembra.

Em paralelo ao doutorado, o ex-aluno do IFS fez um período sanduíche na Maison de Télédétection-MTD/IRD (UMR Espace-DEV/L’Institut de Recherche pour le Développement/Université de Montpellier, France) e foi supervisionado pela Geógrafa pH.D Anne Elisabeth Laques. Também foi bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal – Capes para o período no Brasil e pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) com bolsa para o período na França.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página