Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Aracaju > Estudante alcança a 5ª posição em Sergipe na Olimpíada de Inglês
Início do conteúdo da página
DESEMPENHO

Estudante alcança a 5ª posição em Sergipe na Olimpíada de Inglês

Criado: Segunda, 23 de Novembro de 2020, 17h10 | Publicado: Segunda, 23 de Novembro de 2020, 17h10 | Última atualização em Segunda, 23 de Novembro de 2020, 17h12

Trinta e sete alunos do IFS participaram da competição, realizada pela ChatClass em parceria com o Escritório Regional de Língua Inglesa

Por Victoria Costa | com supervisão profissional de Marineide Bonfim (MTb 495)

 

WhatsApp Image 2020 11 17 at 08.23.57A estudante do Instituto Federal de Sergipe, campus Aracaju, Rosália Sobral Costa Neta, aluna do 2º ano do curso técnico em Química, integrado ao ensino médio, alcançou a 5ª colocação na classificação estadual da Olimpíada de Inglês, edição 2020, concurso cultural realizado pela ChatClass em parceria com o Escritório Regional de Língua Inglesa (RELO) da Embaixada e Consulados dos Estados Unidos.

Além do reconhecimento de seu desempenho e do aprendizado que teve, Rosália Sobral ganhou uma bolsa de 80% no curso de inglês (ChatClass Premium), onde terá acompanhamento, conversação, atividades personalizadas, correção de pronúncia e um certificado de uma escola em Nova York.

No total, 37 alunos do IFS participaram da competição divididos em cinco grupos. O evento, que tem o objetivo incentivar o aprendizado de Inglês de alunos do nível fundamental 2 e do ensino médio no Brasil, aconteceu entre os dias 1º e 31 de outubro por meio do ChatClass, uma inteligência artificial do Whatsapp.

Essa foi a primeira vez que a jovem participou da Olimpíada de Inglês, apesar de ter competido em eventos de outras áreas do conhecimento. “Gosto de me desafiar participando de olimpíadas, mas foi a primeira competição de inglês. Foi uma experiência nova, divertida e gratificante! ”, avalia Rosália Sobral.

A aluna concorreu na modalidade avançada, o nível mais alto do ChatClass e afirma que ficou surpresa ao chegar ao 5° lugar, na classificação geral para o estado de Sergipe, porque não fez uma preparação específica para a competição. “Pratico inglês principalmente assistindo filmes e séries e lendo artigos científicos. Bucos sempre melhorar o aprendizado. Com as questões, percebi o quanto eu aprendi ao longo da minha jornada de estudo do idioma, sem nunca ter feito um curso particular de Inglês, e quanto eu ainda tenho que aprender. ”, revela,

O resultado surpreendeu a estudante e Rosália Sobral afirma que se sente mais confiante para buscar novas conquistas com o inglês. “Eu esperava um bom resultado, mas não o 5° lugar. Fiquei feliz ao alcançar essa colocação! ”comemora..

O inglês é considerado a língua universal, por isso os jovens estão cada vez mais interessados em aprender o idioma. “Comecei a aprender porque admirava muito o idioma e quero ser bilíngue. Hoje, mais do que nunca, sei que é uma língua importante para o meu desenvolvimento acadêmico, profissional e pessoal.” ressalta a aluna.

INCENTIVO

alzivane DSC 0068 PNGEssa foi a segunda edição da competição e também a segunda vez que os estudantes do IFS competem no evento. A primeira experiência, em 2019, agradou tanto que alguns alunos decidiram se inscrever novamente. A professora de Inglês Alzivane Santos Marins, da Coordenadoria de Ciências Humanas e Sociais, CCHS, do IFS campus Aracaju, foi a responsável por estimular a participação dos estudantes na olimpíada. “No ano passado fiz a inscrição das turmas que lecionava. Esse ano eles me pediram para participar novamente, mesmo não sendo mais meus alunos. Convidei então as turmas atuais e tive adesão de vários alunos do 2º ano do integrado”, relembra.

Alzivane diz que a olimpíada é uma ótima oportunidade para os alunos desenvolverem ainda mais a língua inglesa em atividades diversificadas, interativas e desafiadoras. Além disso, os alunos que se destacam na competição ganham reconhecimento e prêmios de participação.

A professora detalha a importância da língua inglesa na vida acadêmica para o desenvolvimento pessoal e profissional das estudantes. ”O inglês é uma língua universal e não podemos questionar a importância de conhecer essa língua. Atualmente, em nosso país, temos empresas que só contratam quem a domina. Com a internacionalização das coisas, das relações urge a necessidade de sabê-la. Não apenas isso, mas também quando se busca passar em cursos de especialização no Brasil ou qualquer outro curso fora do nosso país. É um diferencial. ”, garante.

Perfil 1RESULTADO

Alzivane avalia que os resultados alcançados foram positivos, considerando que mesmo com a pandemia os participantes continuaram demonstrando empenho em competir “A educação foi um dos setores que sofreu e sofre muito os impactos desse momento de pandemia. Envolvê-lo em algo assim devolve o ânimo, a vontade de aprender e de brilhar. Isso tem um valor imensurável”, destaca.

Ela ressalta ainda a visibilidade para o ensino de línguas no Instituto Federal de Sergipe e acredita que o desempenho da aluna Rosália Sobral despertará outros alunos a aprender e querer ser protagonistas de suas histórias. “Ter alunos motivados, envolvidos e ativos no processo de aprendizagem é um presente, pois estamos passando por um momento difícil e único em nossas vidas. ”, afirma.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página