Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Glória > Ação formativa: Limites e possibilidades do uso das tecnologias móveis na educação
Início do conteúdo da página

Ação formativa: Limites e possibilidades do uso das tecnologias móveis na educação

Criado: Quarta, 11 de Janeiro de 2017, 18h07 | Publicado: Quinta, 19 de Mai de 2016, 15h46 | Última atualização em Quarta, 11 de Janeiro de 2017, 18h07

IMG-20160419-WA0018A equipe multidisciplinar da COAE, composta por psicóloga, pedagoga, assistente social e enfermeira, segue realizando as ações dos projetos aprovados pela PROPEX, a saber, “Projeto Fênix” e “Assistência Estudantil em Foco”, de extensão e pesquisa respectivamente.


Na oportunidade, foi abordada a temática “Limites e possibilidades do uso das tecnologias móveis na educação”, realizada neste momento com os discentes do IFS e posteriormente com os alunos da Escola Municipal Tiradentes.

A ação ocorreu em dois momentos: dia 19/04/2016 no turno vespertino com as duas turmas do Curso Superior de Tecnologia em Laticínios, onde foi realizada uma roda de conversa a cerca da temática mencionada, onde os discentes e docentes presentes puderam colocar de forma livre seus posicionamentos relacionados a essa questão e depois realizarão uma atividade prática sintetizando a discussão; e dia 25/04/2016 pela manhã foi a vez dos alunos do Técnico Integrado em Agropecuária e dos Cursos Técnicos Subsequentes em Alimentos e Agroecologia, onde foi realizado um debate que fomentou a criação, pelos discentes e docentes, de argumentos positivos e contrários ao tema em pauta.

Esta problemática, que focou no uso do celular na sala de aula, foi trazida como demanda através dos conselhos de classe, de forma unânime em todos os cursos. A ação inicial foi desenvolvida pela equipe da COAE por meio dos projetos que buscam identificar essas necessidades e intervir na realidade, sendo que posteriormente deverá ser realizada uma campanha, já abraçada pela instituição, que dará continuidade as ações e aprofundará essas discussões com toda a comunidade escolar.

De acordo com a pedagoga Danise Vivian “A ação foi importante a medida que possibilitou instigar a reflexão sobre o uso das tecnologias móveis em sala de aula. O tema é amplo e perpassa muitas possibilidades e questionamentos, mas, ao ouvir os relatos dos estudantes sobre a mudança de percepção após a ação, percebemos que o resultado foi positivo. Esperamos que o debate não se encerre nesta ação, continue em práticas cotidianas, tanto por alunos como por docentes e toda comunidade escolar, pois, instigar a reflexão sobre o uso das tecnologias na educação é entender que o espaço escolar não deve ficar alheio as mudanças decorrentes da era da informação.”

O aluno do curso técnico integrado em Apropecuária Elson Emanuel também comentou sobre o evento: “Foi essencial, pois abordou um tema muito debatido na sala de aula. Ela ajudou numa reflexão entre os alunos. A forma como foi realizado foi muito boa, despertando a crítica e o debate.”
registrado em: ,
Fim do conteúdo da página