Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Socorro > Projeto Cine NAPNE tem início no Campus Socorro
Início do conteúdo da página
INCLUSÃO SOCIAL

Projeto Cine NAPNE tem início no Campus Socorro

Criado: Sexta, 27 de Abril de 2018, 09h35 | Publicado: Sexta, 27 de Abril de 2018, 09h35 | Última atualização em Sexta, 27 de Abril de 2018, 13h45

A iniciativa possibilita o despertar do senso crítico quanto à aceitação das diferenças de cada um.

Cine Napne 2 800 600O Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Específicas (NAPNE) do Campus Socorro está realizando a 1ª sessão do Projeto Cine NAPNE, destinado a promover filmes que promovam a reflexão de temáticas relacionadas à inclusão. A proposta surge da necessidade de se criar no campus espaços para o debate relacionados à inclusão.

A primeira produção cinematográfica apresentada foi "A família Bélier", que aborda uma família em que os pais e um dos irmãos são surdos, tendo apenas a filha Paula como tradutora da língua de sinais nas conversas com os vizinhos. Um dia, porém, ela descobre ter o talento para o canto e que pode integrar uma escola prestigiosa em Paris. Agora, Paula precisa fazer uma escolha que a distanciará da família e a forçará a crescer.

Após a exibição dos filmes com temáticas inclusivas é realizado um debate entre os estudantes, com a mediação de um dos membros do NAPNE. As sessões ocorrem na biblioteca do campus, e os filmes são sugeridos por qualquer integrante da comunidade acadêmica do campus, servidores ou estudantes.Cine Napne 800 600

Para a coordenadora do NAPNE, Giselle Fernanda Costa, a iniciativa possibilita o despertar do senso crítico dos participantes no tocante à aceitação das singularidades e diferenças de cada um, sejam estas no âmbito físico, psicológico ou social. “É fundamental que todos respeitem as particularidades de cada um. O Cine NAPNE é mais um espaço para promover a integração social e educacional das pessoas com necessidades educacionais específicas ao cotidiano do campus”, ressaltou a coordenadora.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página