Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Alunos do IFS conquistam medalhas na Olimpíada Brasileira de Física
Início do conteúdo da página
COMPETIÇÃO

Alunos do IFS conquistam medalhas na Olimpíada Brasileira de Física

Escrito por CAROLE FERREIRA DA CRUZ | Publicado: Terça, 04 de Junho de 2019, 14h03

WhatsApp Image 2019 06 04 at 13.52.06Premiação foi entregue aos estudantes dos campi Estância e Glória durante Encontro de Outono da Sociedade Brasileira de Física, maior evento do gênero no país

 

Cinco alunos do Instituto Federal de Sergipe (IFS), dos campi Estância e Nossa Senhora da Glória, receberam medalhas pelo desempenho na etapa estadual da Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas (OBFEP), que reuniu cerca de meio milhão de estudantes. A premiação ocorreu durante a 42ª edição do Encontro de Outono da Sociedade Brasileira de Física (EOSBF), o maior evento do gênero no Brasil, realizado pela primeira vez em Aracaju, de 27 a 30 de maio, no hotel Radisson.

A solenidade contou com a participação de físicos renomados de todo o país, de membros da SBF e das instituições de ensino vencedoras. Representaram o IFS o gerente de Ensino do Campus Estância, Alessandro Viana Fontes, e os professores de Física, Tiago Cordeiro de Oliveira, do Campus Estância, e Thiago Carvalho Peixoto, do Campus Glória. A coordenação do evento aproveitou o encerramento para premiar os medalhistas da etapa estadual da olimpíada de física, ocorrida em 2018.

Os estudantes do IFS Matheus Santos Oliveira (categoria 2ª série, Campus Estância) e Lázaro Alberto de Araújo (categoria 3ª série, Campus Estância) ficaram com o bronze; Gustavo Henrique Silva Guimarães e Hélio de Souza Lima Neto (categoria 1ª série, Campus Glória) fizeram dobradinha com o ouro e a prata, respectivamente; e Paloma Farias Oliveira (categoria 2ª série, Campus Glória) ficou com a prata. As competições incluíram provas objetiva e discursiva.

IMG 4035Paloma Farias estudou sozinha e contou com a disponibilidade do professor Thiago Peixoto para tirar dúvidas. “É uma satisfação ver o meu esforço sendo reconhecido e, mesmo com várias dificuldades, ver que tudo deu certo”, afirmou a aluna, que está prestes a ingressar na universidade após conquistar o primeiro lugar no curso de Física da UFS pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Lázaro Araújo fez um percurso semelhante e foi aprovado no último Sisu nos cursos de Engenharia Eletrônica da UFS e de Engenharia Elétrica do IFS, onde obteve a primeira colocação.

Thiago Peixoto participou quando estudante de uma das edições da OBF, experiência que o motivou a se aprofundar no universo da Física e incentivar os alunos a ingressar na competição. “O bom desempenho na última edição da olimpíada ajudou a melhorar a autoestima deles e serviu, no mínimo, como aprendizado para a realização de provas e concursos”, destacou.

Matheus Oliveira teve como grande incentivadora a mãe, que é formada em Física. “Ela se enche de orgulho e sempre conta que me levou para um laboratório de Física quando eu tinha 15 dias de nascido. Talvez seja isso que me influenciou a gostar dessa matéria. Foi uma experiência incrível. Fico muito feliz em representar o IFS nessa competição”, comemorou.

“As olimpíadas de cunho científico são um incentivo para as carreiras de jovens promissores e os ajudam superar desafios. O resultado foi muito gratificante e mostra a importância do ensino público, gratuito e de qualidade. Atribuo o ótimo desempenho dos nossos alunos à união entre três fatores: equipe comprometida, professores qualificados e apoio da instituição, que sempre nos dá suporte e nos incentiva”, ressaltou Tiago Cordeiro.

Sobre o encontro

O encontro anual da SBF ocorre desde 1978 e reúne renomados especialistas das áreas de Física atômica e molecular, Física biológica, Física estatística e computacional, Física da matéria condensada e materiais, Física médica, Física na empresa, Ótica e fotônica e oportuniza a interação entre pesquisadores nacionais, internacionais e estudantes. O evento, que foi denominado inicialmente de Encontro Nacional de Física da Matéria Condensada (ENFMC), adotou uma nova nomenclatura para incorporar mais áreas e maior abrangência.

registrado em:
Assunto(s): Campeonato , Física , competição
Fim do conteúdo da página