Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > IFS é homenageado com medalha Bicentenário de Sergipe
Início do conteúdo da página
RECONHECIMENTO

IFS é homenageado com medalha Bicentenário de Sergipe

Criado: Segunda, 25 de Outubro de 2021, 12h33 | Publicado: Terça, 26 de Outubro de 2021, 08h13 | Última atualização em Terça, 26 de Outubro de 2021, 11h08

Homenagem foi feita por Governo do Estado a instituições e pessoas de destaque em Sergipe


DSC 0098O Instituto Federal de Sergipe (IFS) foi uma das instituições agraciadas com a Medalha Bicentenário de Sergipe, em alusão ao Dia da Sergipanidade, 24 de outubro, e que homenageia personalidades e órgãos públicos que contribuem com o Estado de Sergipe, principalmente com ações voltadas para a prevenção e redução dos impactos causados pela pandemia de Covid-19.

A solenidade foi realizada no domingo, 24, no Teatro Tobias Barreto e contou com a presença da vice-governadora Eliane Aquino, que esteve representando o governador do Estado, Belivaldo Chagas; e da presidente da Fundação de Cultura e Arte Aperipê (Funcap), Conceição Vieira. Representando o IFS, a reitora e professora, Ruth Sales, esteve no evento e recebeu a medalha em nome da instituição.

Ruth lembra que o IFS tem realizado sua missão ao longo de sua existência e teve atualmente maior destaque pela atuação durante a pandemia. Afinal, foram mais de 100 instituições assistidas com equipamentos e materiais de higienização, além de apoio através de lives, focando a cultura e o bem-estar dos servidores e da sociedade. Também foram transmitidos shows e festival de música autoral, bem como foram ofertadas capacitações para a criatividade e sobrevivência nos tempos pandêmicos.

“Representar o IFS na solenidade foi uma grande honra para mim, um momento de muita alegria e emoção. É o reconhecimento dos esforços de nós servidores públicos do IFS. A medalha coroa nossa instituição no exercício do seu papel no ensino, na pesquisa, na extensão e inovação, mantendo o foco no povo sergipano, exercendo de fato a transformação social. Sem dúvidas, motivo de orgulho para todos nós!”, diz a gestora.

DSC 0101Além da homenagem às instituições e personalidades, o evento foi marcado por uma série de atrações culturais celebrando a vida, a identidade e a história do povo sergipano. O Governo do Estado celebrou essa data tão importante do calendário de Sergipe e também prestou homenagem ao seu povo pela bravura e contínuo compromisso com que enfrentou e tem enfrentado os desafios impostos pela pandemia da Covid-19.

“Depois desse sofrimento imenso que passamos com a pandemia, cada vez que o teatro abre é uma alegria muito grande e, nesse instante, a alegria é maior. O governador Belivaldo Chagas solicitou ao seu time da Cultura que preparasse uma festividade, uma celebração no mês da Sergipanidade, para resgatar a autoestima, a identidade, a vontade de continuar crescendo e avançando com a gente sergipana”, destacou Conceição Vieira.

DSC 0113Para a vice-governadora, Eliane Aquino, a sergipanidade precisa estar presente na vida cotidiana do estado. “Sergipe não seria nada sem as pessoas que aqui vivem. Eu falo muito que nós vivemos numa terra linda, mas que o orgulho dela, a autoestima por sermos, por vivermos nessa terra - mesmo as pessoas que não são daqui, mas que escolheram viver em Sergipe-, precisa acontecer diariamente”, frisou a vice-governadora.

DSC 0134Sobre a Medalha do Bicentenário

A medalha do Mérito do Bicentenário da Emancipação Política se Sergipe foi instituída pelo decreto estadual N°40.698, de 16 de outubro de 2020, com o intuito de homenagear pessoas e instituições merecedoras do reconhecimento público por seus relevantes serviços prestados ao estado de Sergipe e ao seu povo, sendo outorgada pelo governador Belivaldo Chagas.

Além do IFS, receberam a medalha a vice-governadora Eliane Aquino; a presidente da Funcap, Conceição Vieira; o desembargador Edson Ulisses, representando o Tribunal de Justiça de Sergipe; o deputado Zezinho Sobral, representando a Assembléia Legislativa de Sergipe; José Léo Neto, representando a Defensoria Pública de Sergipe; José Aguiar, representando a Procuradoria Geral de Sergipe; Christiano Cavalcante, representando a Fames; o prefeito de São Cristóvão, Marcos Santana; o secretário de Estado da Educação, Esporte e Cultura, Josué Modesto; o reitor Valter Joviniano, da Universidade Federal de Sergipe; Jouberto Uchôa, reitor da Universidade Tiradentes; o tenente-coronel Gladson Oliveira, DSC 0073representando a Polícia Militar de Sergipe; o coronel Alexandre Alves, representando o Corpo de Bombeiros de Sergipe; Aglaé Fontes, representando o Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe; o diretor Daniel Lemos, representando o Colégio Atheneu Sergipense; Francisco Demerson, presidente do Conselho Estadual de Cultura; Anderson Nascimento, representando a Academia Sergipana de Letras; e Carlos Nascimento, servidor público e idealizador da Medalha.

*Com Informações da Agência de Notícias do Governo de Sergipe

registrado em:
Fim do conteúdo da página