Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Aracaju > A magia do teatro chega ao campus Aracaju
Início do conteúdo da página
RODA DE LEITURA

A magia do teatro chega ao campus Aracaju

Escrito por MARINEIDE BONFIM BASTOS | Criado: Sexta, 22 de Fevereiro de 2019, 11h36 | Publicado: Sexta, 22 de Fevereiro de 2019, 11h36 | Última atualização em Sexta, 22 de Fevereiro de 2019, 11h46

Evento gratuito e aberto à comunidade acadêmica acontecerá quinta-feira, 28, trazendo saberes e alegrias

roda de leitura fevereiro 1 cartaz 800x573O Projeto Roda de Leitura PIBIC EM CNPq/PROPEX/IFS, coordenado pelas professoras Elza Ferreira e Cristiane Mirtes, promoverá quinta-feira, 28, na sala 40D,mais uma atividade para fomentar o diálogo entre as artes e a comunidade acadêmica a fim de despertar o gosto pela leitura. Dessa vez, o teatro estará presente no campus Aracaju trazendo saberes e alegrias com a presença do roteirista sergipano Duque McComb e o ator José Edgar Bernardo, também de Sergipe. A primeira sessão acontecerá às 9h e a segunda às 15h.

O evento é gratuito e não é necessário realizar inscrição. Alunos e servidores do Instituto Federal de Sergipe (IFS), além de estudantes de Sergipe, podem participar da atividade. “O palestrante convida o público a ler e lendo contará a história do teatro, a história de como se tornou escritor , ator ou roteirista, enfim, a conversa será sobre as performances teatrais “, adianta Elza Ferreira.

A Roda de Leitura: o teatro está por toda parte pretende, segundo a coordenadora do projeto, agregar leitores, curiosos e críticos propiciando um momento descontraído e ao mesmo tempo rico de saberes. O evento quer formar o hábito de ler e criar novas práticas de leitura. “A prática da leitura é um dos meios responsáveis pelas relações sociais entre os sujeitos, uma vez que possibilita o acesso do indivíduo ao mundo de trabalho, além de promover a reflexão sobre diferentes realidades, favorecendo a formação de um estudante-leitor crítico”, afirma Elza.

Como funciona o projeto

Em 2018, quando a proposta foi lançada, os participantes cuidaram cuidaram da crônica, cordel, histórias em quadrinhos, música e do romance histórico. O projeto parte da constatação de que é preciso criar estratégias para superar os baixos índices de leitores no Brasil e que a rede federal de educação profissional tem o compromisso social e político de formar leitores, porque a leitura é um meio de se formarem cidadãos críticos e autônomos. “Leitura é aqui entendida como estratégia de formação acadêmica, profissional e almeja a formação omnilateral. O leitor é aqui entendido como alguém que lê e entende o texto ativamente, como alguém que para ler não dependerá da obrigação acadêmica de ler”, explica a professora Elza Ferreira.

O objetivo geral é contribuir com a formação de leitores no universo da Educação Profissional e Tecnológica, dos cursos integrados e subsequentes do Instituto Federal de Sergipe (IFS), considerando a capacidade de interpretação e de escrita críticas. Essas rodas de leitura são mensais e se realizam por meio de dinâmicas que envolvem os alunos presentes a lerem, interpretarem. A cada roda de leitura, as atividades continuarão a ser desenvolvidas em sala de aula por meio de debates e de produção textual. As orientadoras do projeto e os bolsistas fazem seleção dos curadores de cada roda de leitura, realizam observação em todas elas e, posteriormente, entrevistam alunos e professores que participaram do projeto.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página